CONCERTO ACESSÍVEL E VISITA MONITORADA COM AUDIODESCRIÇÃO NA SALA SÃO PAULO

Fotografia colorida, em plano médio e de perfil, de Marin Alsop com os braços flexionados e levantados na altura dos ombros, regendo a orquestra. Segura na mão direita a batuta, vareta fina e delgada usada na regência. Marin é uma mulher de pele clara, de cabelos louros curtos com franja. Usa conjunto preto de mangas longas com punhos vermelhos, brincos pequenos dourados. (Foto: Grant Leighton)Ministério da Cidadania, Governo do Estado de São Paulo, Secretaria da Cultura e Economia Criativa e Fundação OSESP convidam para o Concerto Matinal Acessível com a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo e a regente Marin Alsop, e para visita monitorada à Sala São Paulo com audiodescrição.

Local: Sala São Paulo.
Endereço:
Praça Júlio Prestes, Nº 16 (próxima à Estação Júlio Prestes).

Data: 28 de abril (domingo).
Horário concerto: 11:00 horas.
Horário visita monitorada: 13:30 horas.
Convites para pessoas com deficiência visual e acompanhantes.
Favor confirmar presença por email:
marina@vercompalavras.com.br  ou pelo Whats app (11)9 9848-1264

Audiodescrição: VER COM PALAVRAS.
Roteiro e narração: Lívia Motta.
Consultoria: Felipe Monteiro.

Sobre a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo: Fundada em 1954 e hoje reconhecida internacionalmente por sua excelência, desde 2005 é administrada pela Fundação Osesp. Em 2012, Marin Alsop tornou-se regente titular, tendo sido nomeada diretora musical em 2013 (até o fim de 2019). Em 2016, a Orquestra esteve nos principais festivais da Europa e, em 2019, realizou turnê pela China e Hong Kong. No ano passado, a gravação das Sinfonias de Villa-Lobos, regidas por Isaac Karabtchevsky, projeto que se soma a seus mais de 80 álbuns lançados, recebeu o Grande Prêmio da Revista Concerto e o Prêmio da Música Brasileira.

Sobre Marin Alsop: Regente titular da Osesp desde 2012, a nova-iorquina Marin Alsop é formada pela Universidade de Yale e diretora musical da Sinfônica de Baltimore desde 2007. Lidera atividades educacionais que atingem mais de 60 mil alunos: em 2008, lançou o OrchKids, programa destinado a prover educação musical, instrumentos e orientação aos jovens menos favorecidos da cidade. Como regente convidada, apresenta-se regularmente com a Filarmônica de Nova York, a Orquestra de Filadélfia, a Sinfônica de Londres e a Filarmônica de Los Angeles, entre outras.

No programa: ROBERT SCHUMANN com a Sinfonia nº 1 em Si Bemol Maior, Opus 38 – Primavera e a Sinfonia nº 2 em Dó Maior, Opus 61 (Orquestração de Gustav Mahler).

Visita monitorada com audiodescrição: Conheça a história do edifício que abrigou a antiga estação da Estrada de Ferro Sorocabana no período áureo do café e hoje é sede da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo. Durante a visita, os guias abordam sua importância como patrimônio histórico e marco da cidade; o processo de restauro e revitalização pelo qual passou no final da década de 90; e o projeto de construção da Sala São Paulo, a acústica, estrutura e detalhes sobre o funcionamento da sala de concertos.

Descrição da foto: Fotografia colorida, em plano médio e de perfil, de Marin Alsop com os braços flexionados e levantados na altura dos ombros, regendo a orquestra. Segura na mão direita a batuta, vareta fina e delgada usada na regência. Marin é uma mulher de pele clara, de cabelos louros curtos com franja. Usa conjunto preto de mangas longas com punhos vermelhos, brincos pequenos dourados. (Foto: Grant Leighton)

 

Still quiet here.sas

Deixe um comentário

Nome:

E-mail::

Links:

Deixe seu comentário: